terça-feira, 24 de julho de 2012 5 comentários

NÃO SOU ESTE TIPO DE GAROTA - SIOBHAN VIVIAN




Apesar de ser um livro mais adolescente, acabei me surpreendendo com a reflexão que a leitura me causou. Acredito de verdade que vale a pena, mesmo se você não estiver mais nos seus 16 anos.
Em Não sou este tipo de garota, conhecemos Natalie Stirling uma menina bastante preocupada com sua reputação de menina séria, responsável, líder grêmio estudantil, sem nenhuma manchinha em seu passado.  Apesar da vida certinha, Natalie tem como melhor amiga Autumn , alguém que não é tão bem vista assim pelos corredores do colégio.
Há também  Spencer, uma aluna caloura que tem deixado a escola de cabelo em pé com suas audácias e aventuras, tirando o total controle da situação das mãos de Natalie e a quem ela tenta " salvar". 
Mas não é só Spencer que faz com que Natalie perceba que não tem o controle de tudo... O coração dela também vem mostrar isso, de um modo nada convencional. O que pensariam as pessoas se soubessem toda a verdade sobre os últimos acontecimentos da vida de Natalie? Ao final do livro você começa a refletir sobre alguns questionamentos que eu acho bastante positivos: Até que ponto a opinião de outras pessoas pode interferir de uma pessoa? E a pergunta principal, que fez com que a leitura valesse a pena: Até quando, você, por medo do que os outros podem pensar, vai deixar de perdoar seus erros e ser feliz?
Uma leitura leve, divertida e capaz de conquistar adolescentes, adultos e aqueles que nunca deixaram a menina ( ou menino) de 16 anos morrer dentro deles mesmos, assim como eu.

Ficha Técnica:

Não sou este tipo de garota
Siobhan Vivian
Editora Novo Conceito
Ano 2011
248p.

Minha Avaliação Pessoal:
Vale muito a pena, principalmente por Spencer. Apesar dela não ter o melhor comportamento do mundo e fazer coisas que eu jamais faria, ela se mostra bastante madura em alguns aspectos e conviver com ela pode ser, de certa forma, libertador. Dou 4 corações
♥♥♥♥

segunda-feira, 21 de maio de 2012 11 comentários

O DIÁRIO DE SUZANA PARA NICOLAS - JAMES PATTERSON





"Imagine que a vida 
seja uma brincadeira em que você fica fazendo malabarismo com cinco bolas. 
As bolas se chamam trabalho, família, saúde, amigos e integridade. 
Você está mantendo todas as bolas no ar e um dia 
finalmente se dá conta de que o trabalho é uma bola de borracha. 
Se você a deixar cair, ela vai pular de volta. 
As outras quatro bolas - família, saúde, amigos e integridade - são feitas de vidro. 
Se você deixar cair alguma, ela vai ficar arranhada,
 ou lascada ou vai se quebrar de vez. 
Depois de compreender a lição das cinco bolas, 
você terá começado a atingir o equilíbrio na sua vida."


Um livro maravilhoso, impossível de não se apaixonar, principalmente quando você já viveu algo parecido. Katie, uma jovem editora caçadora de talentos e Matt um poeta em ascensão. Juntos vivem uma linda e sedutora história de amor até que o inesperado acontece. 
Quando tudo parecia perfeito e Katie já tinha certeza de um pedido de casamento, Matt a abandona, sem muita explicação. 
Como qualquer pessoa que passa por isso, Katie começa a tentar entender o que tinha acontecido, onde ela tinha errado, onde e por que tudo se perdeu até receber em sua casa um diário que mudará todo o modo de enxergar as coisas.
O diário não pertence a Matt, mas sim a sua "esposa", Suzane que o escrevera para Nicolas, o filho do casal. O mais surpreendente é que ela acaba simpatizando com Suzana e suas escritas, assim como leitor que acaba simpatizando pelas duas mulheres por motivos diferentes.
Traição? Triângulo amoroso? Falta de caráter? Acredite, não é o caso.
Só mergulhando no diário junto com Katie você vai entender e vivenciar a beleza de um amor que se transforma e se renova. Talvez muitos não se agradem do final, mas eu gostei bastante, visto que existem coisas na vida que não se pode impedir de acontecer, e quando acontece, mesmo doendo é preciso recomeçar.
Com certeza um dos livros mais emocionantes que eu já li. Leitura obrigatória! 
Destaque especial para a parábola das cinco bolas, coisa que levarei comigo para toda a vida. Vale muito a pena conferir.

Ficha Técnica:


O Diário de Suzana para Nicolas
PATTERSON, James
Editora Arqueiro
2011
223p.


Minha Avaliação Pessoal:
Um dos meus livros favoritos, li em duas noites. Me emocionei bastante, porém não uma emoção forçada. Tudo é muito doce e sutil e a leitura extremamente prazerosa. Conquistou 5 corações!
♥♥♥♥♥
domingo, 22 de abril de 2012 15 comentários

TUDO AQUILO QUE NUNCA FOI DITO - Marc Levy


“A memória é uma artista estranha, refaz as cores da vida,
 apaga o medíocre, guarda só os traços bonitos, 
as linhas mais tocantes.”


Depois de muito tempo sem postar no blog, aqui estou. Posso afirmar que não foi por falta de leitura, pois já estou no meu 12º do ano. Sumi um pouquinho por falta de tempo mesmo, mas voltei. 
Hoje escolhi tratar de um livro que eu estava há muito tempo doida para ler:  Tudo Aquilo que Nunca Foi Dito, de Marc Levy. Confesso que o que mais me motivou a adquirir o livro foi o título, talvez por eu também ter muita coisas que nunca foi dita...
Autor de " E se fosse verdade" que virou um filme estrelado por Reese Witherspoon ( e que eu adoro!), Marc Levy nos traz desta vez uma estória envolvente com um toque de ficção científica, que eu curti bastante. Trata-se de Julia Walsh, uma jovem que há muito não conseguia ter uma relação saudável com seu pai, Anthony Walsh, até receber a notícia de seu falecimento justamente na semana de seu casamento, o que acabou mudando todos os planos rumo ao altar.
Onde está a ficção científica então? Após enterrar seu pai, Julia recebe uma grande caixa em seu apartamento, que acaba presenteando-a com mais seis dias em companhia de seu pai. Seis dias para rever suas histórias e enfim dizer tudo aquilo que nunca foi dito. Mas como ela consegue isso? Só lendo para você saber...
Cheio de frases de feito, li o livro bem rapidinho e tive pena quando chegou ao final. Me emocionei bastante com algumas partes, principalmente quando o relacionamento do pai com a mãe de Júlia é colocado em foco. 
Li muitas contradições por aí, e nem todo mundo teve a mesma opinião que eu quanto ao livro, mas uma coisa eu posso garantir: EU adorei!

Ficha Técnica: 
Tudo aquilo que nunca foi dito
LEVY, Marc
Editora Suma das Letras
2011
244 p.

Minha Avaliação Pessoal
Adorei o modo que a leitura flui. Pontos extras para Stalin, o melhor amigo gay de Julia que é engraçadíssimo e para o final, que te deixa com a seguinte pergunta em mente: "O que foi isso então?" Delicinha de livro, merecedor de 5 corações!
♥♥♥♥♥
domingo, 19 de fevereiro de 2012 12 comentários

Quando Ela Se Foi - Harlan Coben


  De que valores você abriria mão para salvar alguém ama?


Uma total surpresa para mim. Essa seria minha definição perfeita do livro, se eu precisasse dar uma. O que acontece é que acabei confundindo os livros e nem olhei a sinopse quando o comprei. Em outras palavras: esperava um chick-lit e me deparei com um suspense policial. Mesmo assim, o livro foi lido e aprovado.
Quando ela ela foi é uma aventura cheia de adrenalina, tendo como personagem principal Myron Bolita, que recebe uma ligação de uma mulher se seu passado, pedindo para que ele a fosse encontrar em Paris, e mesmo relutante, ele acaba indo e dando início assim a uma trama digna das telonas de Hollywood. 
Essa misteriosa mulher, Terese Collins é uma das suspeitas do assassinato de Rick Collins, seu ex-marido. Como se não bastasse, algo muito misterioso intriga ainda mais aos envolvidos: na cena do crime, junto a Rick Collins fora encontrado uma mancha de sangue e fios de cabelos que carregam o DNA de sua filha com Terese. O intrigante? A filha estava morta há 10 anos.
Isso por si só já seria o suficiente para fazer de Quando Ela Se Foi uma obra emocionante, mas ainda tem mais.  Ainda temos Win, um grande amigo de Myron que facilita sua vida em vários sentidos e sem ele, as coisas nunca poderiam dar tão certo, temos Berleand, um agente francês por quem eu adquiri muita simpatia e um grupo terrorista com planos modernos e maléficos.
Para quem curte esse tipo de literatura, essa é sem dúvidas uma obra indispensável, que precisa ser conferida.

Ficha Técnica:
Quando ela se foi
COBEN, Harlan.
Editora: Arqueiro
Ano: 2011
256 páginas.

Minha Avaliação Pessoal:
O livro é muito bom, mas não há como negar que não tem muito a ver comigo. Muitos tiros, muitas mortes... 
Mas preciso dizer que o final foi totalmente inesperado, e eu dificilmente imaginaria trama tão surreal assim. Como eu disse antes, para quem curte é um prato cheio. Merece 4 corações.
♥♥♥♥


quarta-feira, 25 de janeiro de 2012 13 comentários

O Céu Está em Todo Lugar - Jandy Nelson


"As vezes é preciso perder tudo para encontrar a si mesmo." 



De repente o livro invadiu as livrarias, sites, redes sociais, blogsfera. De início não dei muita bola para ele, mas acabei o adquirindo e aqui estamos nós. De primeira, posso afirmar que o livro não vai te deixar neutra ou imparcial quanto a estória, o que por si só já é um ponto positivo. 
Lennie é uma jovem artista que perdeu sua única irmã. Morando com a avó e seu tio, ela tenta de todas as formas prender-se a todos os detalhes físicos que a una Bailley, sua jovem irmã falecida. E é assim que mesmo sem querer, acaba se afastando d sua melhor amiga, seus sonhos e de si própria. Como se não bastasse o momento crítico, ela descobre-se perdidamente apaixonada pelo charmoso Joe Fontaine ao mesmo tempo em que vai se tornando cada vez "mais próxima de Toby", o ex-namorado de Bally.
O mais interessante é que Lennie escreve poemas em qualquer lugar, numa tentativa de expulsar de dentro dela toda a dor, o medo e a tristeza que carrega. Talvez essa seja uma das poucas coisas que fez com que eu me identificasse com a personagem.
Nunca vivi uma situação parecida, mas por vezes achei um tanto exageradas as reações e pensamentos de Lennie, mas como eu disse, nunca passei por nada parecido então talvez essa minha percepção seja equivocada. Outra coisa me incomodou bastante foi o envolvimento da personagem com o ex da irmã. Não aceitei em  nenhum momento e criei uma imagem ruim que só de dissipou quando eles se arrependeram. A partir daí e só aí eu consegui ver a Lennie com olhos mais amistosos.
Como eu disse, é impossível não sentir nada com o livro. Recheado de frases de efeito, com uma certa dose de lirismo, a leitura é bem gostosa e não apresenta grandes dificuldades, sem contar com as páginas, que são lindas!
Vale a pena conferir. 

Ficha Técnica:
O Céu Está em Todo Lugar 
NELSON, Jandy
Editora Novo Conceito
2011
423 p.

Minha Avaliação Pessoal
Na dúvida entre 3 ou 4 corações, fico com a última opção. Acho que não estava num momento muito bom quando o li, o que interferiu na minha opinião. O livro todo em azul é uma graça e eu adoro o jeito meio lírico, meio doce com que Lennie narra seus sentimentos. 
♥♥♥♥



sexta-feira, 13 de janeiro de 2012 9 comentários

Um Bom Tricô - Debbie Macomber



Desde o momento que vi num site, me interessei. Não, eu não sei tricotar, bordar ou nada do gênero, mas como  o livro não tenta ensinar nada disso, me interessei. Comprei, e valeu a pena.
Um Bom Tricô é daqueles livros em que você não acredita muito, mas acaba se envolvendo como enredo e fica feliz em ter lido. Lydia é uma mulher que venceu o câncer por duas vezes e agora está realizando o sonho de um negócio próprio envolvendo algo que ela ama: a arte de fazer tricô. 
Um Bom Tricô nada mais é do que o nome de sua loja de linhas e aviamentos que também oferece curso de tricô para as clientes. E é graças a loja que a vida de quatro mulheres se cruzam e se completam. Além de Lydia, temos Carol, uma jovem que sonha em ser mãe faz disso sua meta de vida; Jacqueline, uma socialite madura que atravessa uma crise nas relações com seu marido, filho e nora e a minha preferida: Alix, uma jovem rebelde por quem é impossível não se apaixonar.
De leitura fácil e capítulos curtos, Um Bom Trico pode não ser aquele livro que te levará as lágrimas a todo instante, o que não significa que não seja uma ótima companhia. Um livro que fala de amizade e de como muitas vezes baixar a guarda e dar uma chance pode a melhor coisa a se fazer.
Um Bom Tricô... uma leitura leve e despretensiosa que tem tudo para te conquistar.


Ficha Técnica:
Um Bom Tricô
MACOMBER, Debbie
Editora: Harlequin Books
Ano 2007
413 páginas.


Minha Avaliação Pessoal
Leve, fácil, gostoso de ler.
Ideal para um intervalo entre uma leitura mais densa e outra, ganha 4 Corações:
♥♥♥♥
 
;